Caráter de Cristo

“Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus” Fp 2.5

Falar de caráter, em nossa atual realidade, parece algo utópico e distante. Pelo bom e velho Português, “caráter é um conjunto de características e traços relativos à maneira de agir e de reagir de um indivíduo ou de um grupo. É um feitio moral. É a firmeza e coerência de atitudes”.

Em outros termos, então, a primeira palavra do tema deste texto, “Caráter de Cristo”,está altamente ligada à moral, aos costumes, ao modo de viver, agir, pensar. Creio não existir pessoas “sem caráter”, mas sim com um “mal” ou “bom”. Temo que, ao olhar para o homem natural, encontremos de forma predominante a presença deste primeiro que citei.

Entretanto, venho por meio deste analisar o “Caráter de Cristo”, e não apenas como observadores, mas como praticantes desse tão glorioso caráter em nossas vidas.

Olhando para Cristo, verificamos que nEle não houve erro, falha, dolo ou engano. Não houve imperfeição. Quando criança, era obediente. Quando adolescente, solícito. Quando jovem, trabalhador. Quando adulto, exerceu sua função como “Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (Jo 1.29).

No versículo tema, Paulo nos exorta a sermos semelhantes ao Senhor Jesus. Nos ensina que devemos ter, em nossos corações, aquele sentimento de humildade, que reconhece o Todo Poderoso como Soberano Rei e Deus.

Com isso, podemos entender que nossa missão aqui, de glorificar a Deus, pode – e ouso dizer que deve – ser praticada, manifestada, em nossas vidas. Devemos viver para glória de Deus, expressando seu amor, verdade e justiça através de nossas atitudes, através de nosso caráter.

A Palavra deve ser pregada, e quanto a esta ordenança não há que se falar algo contrário (Rm 10.13-15). Porém, tão certo quanto o que vemos nestes versículos da carta de Paulo aos irmãos romanos, devemos viver o que pregamos. Devemos ser verdadeiros luzeiros nesta terra (Fp 2.15), demonstrando a glória de Deus em nossas vidas através de uma conduta cristã verdadeira e honesta.

Mais que apenas observar o maravilhoso caráter de nosso Mestre, precisamos tê-lo, pela ajuda do Espírito Santo, em nossas vidas.

Minha oração é que você, amado leitor, busque viver como Cristo viveu. Tome as atitudes que Ele tomaria. Faça o que Ele fez. Obedeça ao Pai, assim como Ele obedeceu.

 

Sob a Graça,

Daniel Rodrigues Kinchescki

 

Postagens Relacionadas

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful