A Escola do Sofrimento

“Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro? ’’ Salmos 121:1 

O sofrimento que parece cegar os olhos, que bloqueia o entendimento, que nos priva de enxergarmos boas expectativas para a realidade e tudo aquilo que nos cerceia, é também um agente de ensino para as árduas lições da vida.  

Com sofrimento, Ana orou ao Senhor enquanto estava aflita por não ter filhos: ‘’levantou-se Ana, e, com amargura de alma, orou ao Senhor, e chorou abundantemente. ’’ (1 Samuel 1:10). E o Senhor atendeu a sua oração, estaria Ele indiferente às nossas súplicas? É certo que não! 

Com sofrimento muitos salmos foram escritos, revelando o estado em que a alma humana do seu autor se encontrava: “Compadece-te de mim, Senhor, porque me sinto atribulado; de tristeza os meus olhos se consomem, e a minha alma e o meu corpo. ’’ (Salmo 31: 9) 

Com sofrimento, e sob o mesmo, o livro de Lamentações foi escrito, revelando o triste exílio que Jerusalém sofrera, quando sua liderança política, religiosa e intelectual fora levada para a babilônia; os que trabalhavam no campo foram autorizados a ficar, entretanto aquele povo estava sem um norteamento e com sua identidade fortemente abalada, por causa do abandono que fizeram ao Senhor no passado: “Com lágrimas se consumiram os meus olhos, turbada está a minha alma, e o meu coração se derramou de angústia por causa da calamidade da filha do meu povo; pois desfalecem os meninos e as crianças de peito pelas ruas da cidade.’’ (Lamentações 2:11) 

Às vezes, sofremos porque falhamos ou sofremos também por situações que fogem ao nosso controle; o sofrimento manifesta-se de diversas formas, e é possível extrair uma lição em tudo, por isso, o sofrer é apresentado como uma escola. Teço aqui uma pequena observação: quando sofremos pela insistência em quebrar a cara ou na persistência em algo que visivelmente não dará certo e trará prejuízos a alma, é um sinal de que não aprendemos ainda a lição.   

Quando o sofrimento vem, me recordo sempre que nada poderá nos separar do amor de Cristo (Romanos 8), circunstância alguma terá este poder. Para o cristão, o sofrimento será sempre um instrumento, tão presente na nossa jornada, que forja o caráter e nos aprimora na vida, mediante fatores visíveis e invisíveis. 

“Os homens nunca vão se tornar grande no conhecimento de Deus até que se tornem grandes em sofrimento. ‘Ah!’ Lutero disse: ‘aflição é o melhor livro na minha biblioteca;’ e deixe-me acrescentar, a melhor folha no livro de aflição é a mais negra de todas as folhas, a folha chamada peso, quando o espírito afunda dentro de nós, e não podemos suportar como poderíamos desejar. E mais uma vez; esse peso é de uso essencial para um cristão, se ele será usado por Deus para o bem aos outros. . . Não há nenhum servo de Deus tão suave como aqueles que foram esfolados. Aqueles que estiveram na câmara da aflição sabem como confortar aqueles que estão lá. Não acredito que qualquer homem vai se tornar um bom médico, a menos que ele ande nos hospitais com paciente; e tenho a certeza de que ninguém vai se tornar mais parecido com Cristo, ou tornar-se um Consolador, a menos que ele se encontre no hospital da vida, bem como caminhando através dele, e tendo que sofrer ele mesmo primeiro.” (Charles Spurgeon – The Christian’s Heaviness and Rejoicing” (NPSP 4, Sermon 222, p. 461). 

Respondendo à pergunta no primeiro versículo supracitado, vem do Senhor o socorro que precisamos. Pode parecer simplista dizer isso, mas a verdade é que Ele nos basta mesmo nos momentos de angústia. Um dia Ele enxugará dos nossos olhos toda lágrima. O próprio Cristo não foi poupado do sofrimento, os seus discípulos muitos menos, os pais da igreja sofreram, e muitos irmãos na fé conhecem bem esta palavra pelas experiências difíceis que tiveram, e todos eles tiveram a Deus, Seu Santo Espírito está aqui para interceder por nós, se porventura alguma palavra faltar, tamanha dor. 

 

 

 

Referência: 

Dez passos com Spurgeon na escola do sofrimento. Disponível em: http://www.josemarbessa.com/2016/09/dez-passos-com-spurgeon-na-escola-do.html. Acesso em 16/12/2017, às 18h.  

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful